Idiomas

  • Diminuir tamanho do texto
  • Tamanho original do texto
  • Aumentar tamanho do texto

PPGICS | Pós-Graduação:Informação e Comunicação em Saúde

Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde

Início do conteúdo

Corpo Docente


Docentes

Daniela Muzi - Colaborador - Linha 2

 

daniela.muzi@icict.fiocruz.br

 

   Currículo Lattes

 

Graduada em Jornalismo (2001) e mestre em Comunicação (2011) pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e doutora em Informação, Comunicação e Saúde (2020) pelo Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS/Fiocruz), recebeu a Menção Honrosa de Melhor Tese pelo Prêmio Compós de Teses e Dissertações 2021. Servidora da Fiocruz, é coordenadora da VideoSaúde Distribuidora, do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz), onde também coordena Oficina VideoSaúde - da ideia ao argumento, e docente colaboradora do PPGICS.  Integra o Núcleo de Estudos do Audiovisual em Saúde (Neavs/VideoSaúde) e o Grupo de Pesquisa CNPq Estudos Sociais em Tecnociência e Saúde (Biomedsci). É colaboradora do Observatório Saúde nas Mídias do Laboratório de Comunicação e Saúde (Laces/Icict/Fiocruz). Sua experiência é nas áreas de Comunicação, Audiovisual e Saúde, atuando em temas ligados à tecnologia, mídias sociais, documentário, circulação, estratégias de comunicação no campo da saúde e métodos digitais.  

 

 

Conheça as publicações mais recentes da docente

 

MUZI, D.; Cardoso, J. M. . Rastreando mediações: um método de análise da circulação de vídeos sobre saúde na internet. REVISTA LATINOAMERICANA DE CIENCIAS DE LA COMUNICACIÓN, v. 19, p. 72-82, 2020.

 

CAVALCANTE, CLARISSE CASTRO ; MUZI, DANIELA . #MinhaExperiênciaNoSUS: um estudo dos sentidos sobre o SUS com-partilhados no Facebook. GALÁXIA (SÃO PAULO. ONLINE), v. 1, p. 71-84, 2019.

 

CAVALCANTI, C. C. ; MUZI, DANIELA ; GUIMARAES, J. K. ; SILVA, M. M. R. G. . PenseSUS e as redes sociais: a busca por estratégias de comunicação e os desafios para a democratização e descentralização do debate sobre o SUS. REVISTA BRASILEIRA DE PESQUISA EM SAÚDE, v. 20, p. 140-148, 2018.

 

MUZI, DANIELA; DE ALBUQUERQUE MELO NOGUEIRA, FERNANDA ; ANTÔNIO AFONSO BERTOLDO, LUCILENE ; SANJUAN GANEM PRADO, TATIANA ; SOARES GUIMARÃES, MARIA CRISTINA . Engajamento Comunitário, comunicação e saúde: estratégias de visibilidade dos pacientes renais. ESFERAS, v. 1, p. 57-68, 2018.

 

MUZI, D.; CLÉBICAR, T. . Novas tecnologias, antigos problemas: a reprodução de velhas práticas de comunicação em mídias digitais. RECIIS - Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, v. 8, p. 319-329, 2014.

Projeto(s) de pesquisa:
Metodologias de análise da circulação em mídias digitais: os discursos de saúde nas redes

Comunicação, informação e saúde estão no centro das preocupações individuais e coletivas, de governos e movimentos sociais ao redor do mundo. Mesmo antes da eclosão e agravamento da pandemia de Covid-19, estas já eram marcas distintivas da nossa atualidade que, a partir da popularização da internet, intensificou a aceleração dos fluxos simbólicos e materiais e tornou incessante a renovação de plataformas de mídias sociais, assim como das formas de sociabilidade que ensejam. Nesse contexto, essas plataformas ganham força estratégica para dar visibilidade e capilaridade a diferentes atores, individuais e coletivos, despertando o interesse de instituições de ensino e pesquisa, cientistas, empresas e movimentos sociais também no âmbito da saúde. Num contexto de infodemia e desinformação, como o evidenciado pela pandemia de Covid-19, a análise da circulação desses discursos, que se materializam na forma de circuitos, torna-se fundamental para a compreensão das dinâmicas da sociedade contemporânea cada vez mais influenciada pelas mídias sociais, em detrimento a uma falta de confiança nos veículos de imprensa, tradicionais bastiões da verdade. Entendendo a mídia como um sistema, o projeto objetiva fazer uma análise em diferentes plataformas de mídias sociais sobre a circulação de discursos sobre saúde, em especial discursos sobre vacinação contra Covid-19, por meio do uso de métodos digitais de pesquisa e das métricas críticas, para compreender esses discursos, posicionamentos e alinhamentos dos atores sociais em torno do tema.

Voltar ao topoVoltar